-> Comida típica da Argentina - Bife de Chouriço

Falou em comida, é comigo mesmo. Uma boa viagem não está completa se não puder saborear os quitutes da culinária local. Em Buenos Aires fiquei com o tal Bife de Chouriço na cabeça.

Na primeira noite em Buenos Aires, resolvi iniciar a minha primeira tentativa, mas acabei não achando bife de chouriço, mas "milaneza" (do jeito que se escreve por lá) de ternera napolitana com pure de batata. Nada muito caro e também nada mal para uma primeira investida na comida local. Ah, é claro que se você quiser comer algo "por la noche", há os famosos kioskos 24horas, o que não falta é milaneza, sanduiches de milaneza. Seja lá a sua fome, esses bifes també podem ser encontrados nos supermercados e mercadinhos locais espelhados pela cidade.

Bom, mas encontrei outros turistas brasileiros no meio do caminho que não tiveram sorte na comida e na tão falada carne argentina. Quando fui a Puerto Madero em Buenos Aires, não fiquei satisfeito com a carne que tinha comido. Já estava achando que seria mais um brasileiro que não experimentaria essa tal carne dos porteños. Pois eis que depois de muita andança naquele centro que encontro um buteco, baqueles que deixam a roupa cheirando gordura, mas detalhe. Já era mais de 14:00 e o restaurante estava cheio. Ao estilo dos butecos que servem PF, com placas pregadas nos vidros com os pratos e preços.

Para quem está acostumado ao feijão com arroz do Brasil, entenda uma coisa, só no Brasil se come arroz com feijão de forma tão comum. Nos nossos vizinhos latinos, todos comem batata, sempre!

Mas continuando, esse foi o buteco em que posso dizer que comi o verdadeiro Bife de Chouriço. Ele veio em um pratinho desses que usamos para comer pão com manteiga nos restaurantes. E claro, vem o Bife + Batatas fritas. me custaram belos 8 pesos, diga-se de passagem, os melhores 8 pesos bem gastos.
Daí não parei mais, o negócio era sempre pedir uma carne no almoço. E por incrível que pareça, nunca mais consegui comer um bife de chouriço como esse aí da foto. Nem na textura, nem no sabor. Infelizmente fiz várias tentativas e não consegui encontrar algo melhor que esse aí acima.

Na recoleta experimntei um, até que veio com mais coisas, tomates e um ovo, mas nada feito, não chegou aos pés do primeiro. Vejam o prato ao lado. Reparem que não é do Ravioli que estou falando e sim do "belo" prato de tomates com batatas e ovo. O suposto bife de chouriço estava embaixo disso tudo. No Uruguay, um prato desse, sem os tomates, tem outro nome.

Peregrinação por carnes em Montevideo? Quer carne? Vá ao mercado municipal. Ele fica no centro histórico da cidade. Dá para ir a pé e de mercado só tem restaurantes, butecos e claro, a faoza parrilhada uruguaia. A parrilhada é diferente do nosso churrasco por dois detalhes: eles usam lenha no lugar do nosso carvão e puxam a sentelha para ficar abaixo da carne para assá-la. Lá não tem rodízio de carnes, mas a parrilha, que é um monte de carnes servida em uma grelha, serve muito bem 3 a 4 pessoas. Atenção, servem muito bem de 3 a 4 pessoas. Ou seja, pedir uma parrilha para 2 pessoas é pedir para sobrar carne na mesa. No meu ponto de vista, não vale a pena.

Mas vale a pena conhecer o tão falado El Fogon, o restaurante em Montevideo que é muito bem falado entre os turistas argentinos e alguns brasileiros. Lá pude perceber que as vezes pedir uma parrilhada é uma furada, não que tenha pedido, mas é que como vem um monte de carnes sortidas, claro, vem com carnes que talvez você não comeria. Eu não comeria, mas há gosto para tudo. Então, pedi um entrecot, um bife de chouriço argentino mais parrudão, lembra em muito nossos medalhões, mas claro, mega medalhões. Eu como bem, mas esse bifão aí não precisou de arroz, muito menos de feijão. Lembra das batatas? Então estão como batatas "bolinhas".

E sabem como recebe o nome do bife de chouriço no Brasil? Conta-filé! Só que o corte é diferente. Mas não se enganem, nenhuma dessas carnes bateu o bife de chouriço que comi num buteco em Buenos Aires! Quando estiver por lá, não fique com frescuras, entre em um buteco e boa sorte!

Nenhum comentário :